Nhoque ao Sugo, do restaurante Maurizio Gallo
Nhoque ao Sugo, do restaurante Maurizio Gallo

Hoje é um dia bem típico de comer o nhoque da fartura e a nossa sugestão é a receita do chef Maurizio Gallo, proprietário do restaurante de mesmo nome. Uma das simpatias deste dia (29) garante que, quem comer em pé as sete primeiras unidades de nhoque, tem direito a fazer um pedido para cada unidade ingerida.

Em outra versão, ao invés de comer em pé, deve-se colocar uma quantia qualquer de dinheiro embaixo do prato e mentalizar seus maiores desejos com um pensamento positivo. Há quem acredite que o dinheiro usado na simpatia deve ficar guardado até o próximo dia 29 para que a mandinga dê certo. b

A última das versões diz que deve se unir todas as citadas antes: separar 7 pedacinhos de nhoque e, de pé, com uma nota de qualquer valor debaixo do prato, fazer um pedido para cada pedaço ingerido. Depois de saborear o restante do prato, deve-se guardar o valor até o próximo dia 29.

INGREDIENTES:

Massa
2 batatas
250 g de farinha de trigo
1 ovo

Molho
5 unidades de tomate sem casca
1 dente de alho amassado
2 colheres sopa de manjericão
Orégano a gosto
Açúcar
Sal
2 colheres sopa de azeite extra virgem
1 doses de suco de tomate

MODO DE PREPARO:
(Tempo: Aproximadamente 35 minutos)
Massa
Descasque as batatas e coloque-as para cozinhar em água fervendo. Cozinhe até que fiquem moles, mas não a ponto de desmanchar. Você consegue esse ponto em aproximadamente 15 minutos. Tire as batatas da água e amasse-as com um garfo ou passe-as em um espremedor de batata. Em um recipiente, junte a batata espremida com a farinha de trigo e o ovo. Mexa a massa até formar uma bola. Polvilhe uma superfície com farinha e abra a massa em tiras compridas. Corte as tiras em pequenos pedaços de 1,5 cm cada. Numa panela grande, coloque água para ferver com um pouco de sal. Quando a água estiver fervendo, coloque os pedaços de nhoque e deixe cozinhar de 3 a 5 minutos ou até que a massa comece a boiar. Escorra e reserve.

Molho
Em uma panela, coloque o azeite e o deixe em fogo médio de 30 segundos a 1 minuto. Depois acrescente o alho e mexa até dourar. Coloque o suco de tomate e em seguida os 5 tomates sem pele restantes. Deixe ferver por 3 minutos com a tampa fechada (mexendo sempre). Adicione o manjericão e deixe ferver por 5 minutos com a tampa fechada, mas, mexendo a cada 30 segundos.
Coloque o sal e o açúcar à gosto. Se preferir, adicione uma pitada de orégano.

Serviço:
Restaurante Maurizio Gallo
Lourdes: Rua Aimorés, 2305 – Telefone para reservas: (31) 2514-3020
São Pedro: Av. Nossa Senhora do Carmo, 860 – Telefone para Reservas: (31) 2555-5432
Funcionamento: Segunda-feira:
Congelados: 8h as 16h20
Almoço: 11h30 às 15h
Terça a sábado:
Congelados: 8h até 0h
Almoço e jantar: 11h30 a meia noite
Domingo:
Congelados: 8h às 18h
Almoço e jantar: 11h30 às 18h


Foi no ano passado que a Mr. Cheney, franquia americana famosa pelos cookies, chegou em BH e confesso que não tinha sentado em uma e conhecido o cardápio inteiro. Só tinha experimentado e me encantado, logo na primeira mordida, pelo cookie de chocolate com generosos pedaços de macadâmia (preferido, sempre!). Até que na semana retrasada recebemos o convite para conhecer a franquia Mr. Cheney do Pátio Savassi, que fica logo ali ao lado do cinema. E, para a nossa surpresa, além dos cookies maravilhosos, tinha um cardápio inteiro incrível que nunca imaginávamos. E o que a gente fez? Comemos de tudo! =)

IMG_7814
Franquia do Mr. Cheney Pátio Savassi – BH
IMG_7826
A franquia oferece onze deliciosos sabores de cookies

Fomos recebidas pela simpática equipe da franquia (beijo pra vocês, meninas, especialmente a Julia) que nos recebeu com o maior carinho do mundo. Pra começar, a dica foi experimentar o Cookie Shake (R$ 16), um dos carros-chefes de lá. Como o nome sugere, a bebida é basicamente um milkshake de cookies, com a diferença que você é quem escolhe um dos onze (!!!) cookies do cardápio para bater com sorvete de creme. Eu fui no de chocolate com macadâmias e a Mônica foi no Triple Chocolate. E além de geladinho, ótimo pro verão, ainda vem com pedacinhos de biscoito pra decorar. MARAVILHOSO! Sério, acho que tornou o meu milkshake preferido (antes desse post ir ao ar eu já voltei pra tomar mais um, rs).

IMG_7787
Cookie Shake (R$ 16): milk-shake batido com sorvete de creme e um biscoito à sua escolha

Depois do início dooooooce, as meninas sugeriram comer um dos pratos salgados do cardápio e eu achei ótimo porque lá tem bastante opção para lanchar, que vão além dos cookies. Vi muita gente comendo esse tal de Dip Cheney (R$ 15), uma espécie de “pizza desconstruída”. O petisco, que serve bem duas pessoas (contando que tínhamos acabado de tomar um cookie shake, né?), acompanha esses pãezinhos de massa de pizza (breadsticks) com esse molho quentinho feito de queijo, molhos, pepperoni, azeitona e especiarias. Uma delícia!

IMG_7802
Dip Cheney: Uma combinação única de queijo, molhos, pepperoni, azeitona e especiarias bem no estilo americano, acompanhado de breadsticks crocantes e macios, especialmente temperados
IMG_7806
Não deixe de experimentar o Dip Cheney: maravilhoso!

Depois de comer, ainda sobrou espaço (sim!!!) para a sobremesa, hahaha. E nessa parte tinha tanta opção deliciosa que foi difícil de escolher, mesmo (quem me conhece sabe que a escolha é uma grande dificuldade que eu tenho na minha vida, rs). Já tinha ouvido falar de lá do famoso trio de panquecas (aquelas beeeem no estilo americano no café da manhã) servidas quentes e cobertas com margarina e xarope de maple. Mas, quando li que tinha tortinha de maçã, não tive dúvida! Nossas escolhas então foram a Mini apple pie (R$ 12), quentinha e deliciosa e Cookie Ice Montain (R$ 12), uma maneira mais “gorda” de comer um cookie, já que acompanha sorvete e mil caldas por cima, hmmmm!

Mini apple pie: tortinhas de maçã individuais, recheadas com maçãs, canela, açúcar e noz moscada, servida quente com uma bola de sorvete de baunilha e calda de caramelo (R$ 12)
Mini apple pie: tortinhas de maçã individuais, recheadas com maçãs, canela, açúcar e noz moscada, servida quente com uma bola de sorvete de baunilha e calda de caramelo (R$ 12)
Cookie Ice Montain: o cookie preferido servido com uma bola de sorvete de baunilha por cima e coberto com calda de caramelo ou chocolate
Cookie Ice Montain: o cookie preferido servido com uma bola de sorvete de baunilha por cima e coberto com calda de caramelo ou chocolate – comemos com as duas! (R$ 12)

Além das delícias, achamos a Mr. Cheney do Pátio Savassi um local ótimo (tem várias mesinhas confortáveis) para encontrar, colocar o papo em dia ou até mesmo fazer uma reunião de trabalho (como foi o nosso caso). Bom, ainda ganhamos duas caixinhas lindas de presente com outros sabores dos cookies (R$ 5,50 cada) para experimentar, um mais gostoso do que o outro. Realmente, nunca tinha comido um biscoito com uma massa tão macia, crocante por fora e chocolate em doses generosas. Foi uma ótima opção de presente para o Natal, inclusive.

Embalagens para dar cookies de presente
Embalagens para dar cookies de presente

Depois dessas fotos e nossa dica sobre algumas das delícias que provamos, fica o convite para conhecer a Mr. Cheney lá do Pátio Savassi, e pirar com aquele cheirinho de cookie fresco maravilhoso. Acompanhe o instagram deles para saber as novidades que chegam por lá.

Mr. Cheney Pátio Savassi
Av. do Contorno, 6.061, Funcionários
(31) 2531-6522
10h às 22h (seg. a sáb.)
14h às 20h (domingo)


A ceia de Natal é um dos momentos mais importantes do ano e uma oportunidade para reunir familiares e amigos. Uma data tão especial precisa de uma receita saborosa e única. Confira essa receita fácil e deliciosa!

gastro_arroz_forno

Ingredientes:

1 colher de sopa de óleo
1 cebola pequena picada
2 dentes de alho amassados
1 xícara de arroz
2 xícaras de água fervente
1 colher de chá de sal
2 xícaras de água
1 cubo de caldo de galinha caipira
600 gramas de peito de frango cortado em cubos médios
1/2 xícara de extrato de tomate
1 lata de ervilha escorrida
1/2 xícara de azeitona verde picada
2 colheres de sopa de queijo parmesão ralado

Modo de preparo:

1. Em uma panela média, aqueça o óleo em fogo médio e doure a cebola e o alho.
2. Junte o arroz e refogue por 2 minutos. Adicione a água e o sal.
3. Cozinhe com a panela parcialmente tampada por 10 minutos ou até secar o líquido. Reserve.

Variação
1. Para aproveitar sobras de arroz, substitua o arroz cru por 4 xícaras (chá) de arroz cozido.

Molho:
1. Em uma panela média, ferva a água e dissolva o cubo de caldo de galinha caipira.
2. Junte o frango e cozinhe, em fogo baixo, por 20 minutos ou até ficar macio.
3. Desfie o frango e recoloque no caldo. Acrescente o extrato de tomate, a ervilha e a azeitona. Deixe ferver por 5 minutos.
4. Preaqueça o forno em temperatura média (180°C).
5. Em um refratário redondo médio (25 cm de diâmetro), coloque o arroz e o molho de frango. Misture. Polvilhe o queijo ralado e leve ao forno por 15 minutos ou até gratinar. Sirva em seguida.

Via Recepedia da Arisco


A gente adoooooooora conhecer lugar em BH que a gente nunca foi antes. Se tiver comida, melhor ainda (né?)!  Recentemente fomos convidadas para conhecer a Forneria Singular, lugar que fica em frente à nossa academia (Studio Alto Energia) mas, por conta da correria, nunca conseguimos ir. Fomos (aliás, fui porque a Mônica me abandonou neste dia) experimentar as três novidades de um ano da casa, que são os três sabores novos de pizza: calabresa, abobrinha com brie e tomate pelati com queijo canastra (melhor do que a marguerita, que até então era meu sabor preferido, rs).

81e1a161-bc4a-464c-992f-b148d8014f79
fotos: Camille Toledo/divulgação

Focados na tradição, cada uma das delícias de lá é batizada com nomes de regiões da Itália, como Nápoli, Ravello e Veneto. Pedidas deliciosas para degustar confortavelmente no sofá estofado amarelo, de 14 metros de comprimento, que combina com a parede de tinta de quadro escolar, com o cardápio escrito à mão (fofo demais, gente) com letras perfeitas do sócio Adalberto Saporetti.

Para honrar ainda mais a herança italiana, a casa faz o próprio molho de tomate pelati e preza por ingredientes frescos, que abastecem a cozinha diariamente, além de prezar pela farinha de trigo especial e importada. De acordo com Adalberto, a ideia é que a massa seja tão gostosa quanto o recheio, sem aquela ideia de deixar a borda no canto do prato.

108bfc0c-4c41-490b-a444-b082e29273b1 e8106507-714b-449b-9c50-ffa34419f233 f665ecd6-2880-41a8-8dcf-2543f6878d30

A casa também serve almoço, sempre com dois tipos de salada, três opções de carne e duas de guarnições (#dica dizem que é ótimo para paquerar, inclusive).

Serviço:
Onde: rua dos Inconfidentes, 855, Savassi
Quando: segunda a sexta (12h às 14h30 e 18h às 00h); sábados (12h às 15h e 19h até o último cliente)

Essa dica foi divulgada no SITE ND


Bruschetta-de-cogumelos-e-alcachofra

Estas torradas de origem italiana são ótimas como entrada ou como um tira-gosto enquanto bebericamos uns drinques antes do jantar. Invente as suas versões de cobertura, mas não deixe de lado o mix de ervas – elas trazem mais frescor ao prato. Que tal aprender como opção de entrada para a ceia natalina? A receita é do chef Reinhard Pfeiffer, autor do livro Brasilidades.

Ingredientes:

2 colheres (sopa) de ghee (manteiga clarificada)
2 fatias de pão italiano ou de ciabatta integral
2 dentes de alho amassados
3 xícaras de cogumelo fresco picado grosseiramente (shimeji, shitake e champignon, 50 g de cada)
3 corações de alcachofra picados
raspas da casca e suco de 1 limão-siciliano
3 colheres (sopa) de ervas picadas (hortelã, salsinha, orégano fresco, manjericão e tomilho)
6 tomates secos cortados em tiras
flor de sal a gosto
3 colheres (sopa) de amêndoas laminadas
6 tomates-cereja cortados ao meio
azeite de oliva extra virgem a gosto
folhas de manjericão a gosto

Modo de preparo:

Preaqueça o forno a 150 °C.
Espalhe uma fina camada de ghee sobre as fatias de pão e arrume-as numa assadeira. Leve ao forno por 3 minutos para tostar levemente. Retire, mas mantenha o forno ligado.
Enquanto isso, em uma frigideira, coloque o restante do ghee e doure o alho rapidamente, tomando cuidado para não queimar e amargar.
Junte os cogumelos e refogue por cerca de 2 minutos em fogo alto, para não juntar água. Acrescente a alcachofra, o suco de limão, as ervas e o tomate seco e misture. Tempere com sal e desligue.
Distribua a cobertura ainda quente sobre as fatias de pão torrado. Salpique a amêndoa por cima e leve novamente ao forno quente por mais 2 minutos. Antes de servir, transfira as bruschettas para uma travessa, arrume o tomate-cereja por cima, regue com um fio de azeite e enfeite com as folhas de manjericão e as raspas da casca do limão. Sirva imediatamente.