As mineiras Srta Rita, Um Vestido e Sérgio Salomão apresentam suas coleções 2017 no Lançamento 3 marcas. Independentes e artesanais, eles produzem em pequena escala roupas femininas, masculinas, acessórios e calçados para atender a um público que busca formas criativas de consumo. O resultado são produtos mais sustentáveis, menos descartáveis e com preço justo!


Sérgio Salomão
A Marca Surgiu em 2014 e, desde então, vem absorvendo influências do teatro, das artes visuais e de outras formas de expressão para criar suas peças de roupa. Essa junção de diversos meios é a principal motivação do artista, que dá seu nome à marca. Para essa coleção serão feitos diversos produtos, entre eles: acessórios e roupas abrangendo o público masculino e feminino.

sergio-salomao-moda-bh-ameixa-japonesa

Quer conhecer mais? Visite: www.facebook.com/espacosergiosalomao

Um Vestido
Apresenta em cada coleção, um modelo de vestido com variação de cores, tecidos e estampas se preocupando com os detalhes e significados de cada parte de seu processo criativo/produtivo. Desde a criação de um modelo bonito e confortável de vestimenta, da costura artesanal de cada peça, do aproveitamento dos tecidos para criação de novos produtos até o atendimento e entrega ao cliente. A 4ª coleção vem com desejo de influenciar cada vez mais a utilização da roupa não só como vestimenta, mas como uma forma de demonstração de beleza e atitude pessoais.

umvestido-moda-bh-ameixa-japonesaMais sobre esse projeto que acho incrível: www.instagram.com/um_vestido

Srta Rita
Recém-chegada trás em seus calçados e acessórios produzidos artesanalmente, a liberdade de transitar por diferentes lugares. A diversidade de materiais e cores são definidas pensando em cada detalhe estético e do conforto dos pés.

senhorita-rita-moda-bh-ameixa-japonesa

Saiba mais sobre a Srta Rita: www.srtarita.com.br

Serviço:

O que? 3 Marcas – Lançamento das Coleções 2017

Quando? Dia 9 de Junho, às 19h

Onde? Avenida Cristóvão Colombo, 550, sobreloja 18 – Savassi


BH Tattoo Festival começou ontem com inúmeras atrações para os amantes do universo da tatuagem, esta edição vai reunir mais de 400 personalidades do setor, entre tatuadores, body piercers, artistas plásticos, músicos e DJs. São esperadas cerca de 15 mil pessoas no evento.

Nessa edição, o evento ganhou maior amplitude e toma todo o espaço da Serraria Souza Pinto (Av. Assis Chateaubriand, 809, Centro), incluindo o estacionamento, com uma programação extensa e muita inovação e diversidade cultural. Sábado e domingo, dias 8 e 9, o festival será aberto às 12h e encerrado às 2h da manhã.

Além da presença de tatuadores nacionais e internacionais, haverá três palcos para shows e  concursos, além de espaço kids, encontro de moto clube e cerca de 12 food trucks.

 GLR PWR

Ontem fomos conferir o 7o BH Tattoo Festival e a presença feminina chamou nossa atenção. O número de tatuadoras é bem maior que imaginava. Adoramos ver tanta mulher fazendo e acontecendo no BH Tattoo.

bh_tatoo_2017_ameixajaponesa26

bh_tatoo_2017_ameixajaponesa25

bh_tatoo_2017_ameixajaponesa28

bh_tatoo_2017_ameixajaponesa36

bh_tatoo_2017_ameixajaponesa30

bh_tatoo_2017_ameixajaponesa29

 

bh_tatoo_2017_ameixajaponesa48

 

bh_tatoo_2017_ameixajaponesa46

 

bh_tatoo_2017_ameixajaponesa32

bh_tatoo_2017_ameixajaponesa51

bh_tatoo_2017_ameixajaponesa54

 

Fotos: Osvaldo Castro

Mais de 40 horas de programação

A música eletrônica ditou o ritmo do primeiro dia de festival com DJs nacionais e internacionais. Já o sábado, 8, será um tributo aos amantes do ROCK e suas vertentes, com a estreia do festival de bandas BH TattooSonora, que selecionará quatro bandas que se apresentarão junto às convidadas Dead Fish, Cartoon, Pausa Para Tudo, Regali Blues Band, Gui Dub, André Muradas e Lucas Noctívago, em palco exclusivo. Além disso, o festival será pioneiro em BH ao promover o Encontro Nacional do Moto Clube Abutres, ao meio dia, no estacionamento externo do evento, com entrada gratuita.

Continuando a programação de sábado, às 16h, o Palco Portal Tattoo apresenta o concurso Miss BH Tattoo, cujo desfile e premiação elegem a bela que melhor representa a cultura da tatuagem. Esta edição do concurso, dentre outros profissionais de apoio, conta com a personal stylist Juliana Brasil, uma das principais referências em consultoria de imagem e estilo do país. Às 17h, no mesmo local, começará o Concurso de Tatuagem, desta vez, analisando as categorias Colorida, Comics, Oriental, Old School (Tradicional), Realismo e Preto&Branco. Às 21h30, será divulgado o vencedor da premiação de Melhor Tattoo de sábado.

A pluralidade musical continua com a voz das ruas e dos muros no domingo, 9, quando muito Hip Hop, Reggae, dentre outros estilos, invadirão o Palco 440 Hertz para embalar as cores do Live Paint, junto a outras intervenções artísticas surpresas. Já no palco Portal Tattoo, a partir das 17h, será a vez do Concurso de Tatuagem eleger as melhores artes das categorias Feminina, Portrait, Pontilhismo e New School. Às 21h30, serão premiadas as vencedoras de todas as categorias e divulgadas a Melhor Tattoo do Dia e a Melhor do Evento.

Serviço – 7ª edição do BH Tattoo Festival
Onde: Serraria Souza Pinto, à Av. Assis Chateaubriand, 809 – Centro
Quando: Dias 07, 08 e 09 de abril
Horário: sábado e domingo, entre 12h e 2h
Quanto: Lote promocional de 500 passaportes (acesso aos três dias) pelo preço popular de R$ 40,00 mais 1kg de alimento não perecível (exceto fubá e sal); ou meias-entradas diárias pelo valor de R$ 25,00 mais 1kg de alimento não perecível (exceto fubá e sal)
Informações – www.bhtattoo.com.br


santo-de-casa-guaja-o-cluster

No dia 03 de abril, próxima segunda-feira, o Guaja recebe a idealizadora e diretora d’O Cluster, Carolina Herszenhut. A proposta da iniciativa é promover um bate-papo descontraído conexões e empreendedorismo criativo. Com início às 19h30, o encontro integra a programação do projeto Santo de Casa, realizado semanalmente. Trata-se de um circuito de palestras informais reunindo pessoas destaque na comunidade criativa. Com entrada gratuita, o bate-papo é aberto ao público e pretende reunir coworkers, empreendedores, estudantes e demais interessados.

A frente d’O Cluster desde a sua fundação, em 2012 no Rio de Janeiro, Carolina discutirá a conexão e particularidades do empreendedorismo criativo na capital mineira. Ex-moradora de Belo Horizonte, Carolina está à frente da itinerância do projeto pela capital mineira, iniciada em 2015. Na ocasião, ela precisou adaptar o formato que já sucesso da capital carioca para lançá-lo no mercado mineiro, atentando à dinâmica local e mantendo o diálogo estreito com os agentes criativos de Belo Horizonte.

Desde que foi realizado pela primeira vez em Belo Horizonte, O Cluster tem por objetivo apresentar uma curadoria sobre a atual produção criativa de Belo Horizonte e também de outras cidades nas áreas de Moda, Gastronomia, Design e Música. Grande sucesso entre as marcas, empreendedores e também entre os freqüentadores, a última edição, realizada no dia 12 de março na Casa Bernardi, apresentou ao público, entre outras iniciativas, o trabalho de mulheres refugiadas nas áreas de moda e gastronomia, além da mostra “Vidas Refugiadas”, de Victor Moriyama. Já estão previstas mais duas edições d’O Cluster na capital mineira ainda este ano.

Sobre a Carolina Herszenhut

Estilista com 15 anos de experiência, Bacharel em moda pela Universidade Veiga de Almeida/Instituto Zuzu Angel-RJ, com pós graduação na ESMOD, Paris e Central Saint Martin’s, Londres. Depois de passar por grandes marcas brasileiras e internacionais, está à frente da Branchée, marca carioca que desfilou no Fashion Rio, no Rio Moda Hype por duas edições, que está no mercado há seis anos. Foi representante do grupo NucleUM Moda,do Sebrae. Está à frente de, “O CLUSTER” e de todas as suas ações que incluem o lançamento de catálogos e publicações da marca, curadorias especializadas, entre outras iniciativas.

Sobre o GUAJA

Localizado na Av. Afonso Pena, 2881, bairro Funcionários, O GUAJA é um projeto voltado aos profissionais de Belo Horizonte e tem a proposta de ampliar a experiência de coworking na capital, unindo ambientes e atividades ligadas à gastronomia, cursos e oficinas, design e inovação ao trabalho em comunidade criativa, marca do Guaja. A casa se destaca pela crescente adesão de profissionais dos mais diversos setores, sendo reconhecida como o primeiro café-coworking do Brasil: um lugar para trabalhar, se conectar e aprender, combinando a atmosfera de um café, a hospitalidade de uma casa e o ambiente de um coworking inovador. Desde a sua inauguração, a casa recebe toda segunda-feira o circuito Santo de Casa, que convida pessoas destaque na comunidade criativa para um bate-papo sobre sua trajetória profissional ou pessoal. O empreendimento pertence aos irmãos Lucas Durães e Bruno Durães.

 

Serviço

Guaja recebe Carolina Herszenhut no Santo de Casa

03 de abril, segunda-feira

Horário: 19h30

Local: Guaja (Afonso Pena, 2881 – Funcionários)

Informações: www.guaja.cc

Entrada gratuita.