creme de tapioca

Nossa sugestão de sobremesa para esse domingão final de feriado é um gelado creme de tapioca com coulis de manga. Escolhemos a manga por ser uma das frutas mais refrescantes que temos, mas você pode ficar a vontade para fazer com a sua fruta da estação preferida.

Creme de Tapioca:
Ingredientes
200ml de Leite de Coco

1/2 xícara de tapioca

1 1/2 xícara de água

1 xícara de leite

1/2 xícara de açúcar

Casca de 1/2 limão

Coulis de Manga:
Coulis é uma sugestão de creme que sempre se faz utilizando a poupa das frutas bem geladas. Pode se acrescentar um suco de laranja natural, se desejar, ou utilizar somente a fruta em questão.

2 mangas maduras e bem geladas cortadas em pedaços

1/4 de xícara de chá de suco de laranja

Açúcar (não é necessário)

Folhas de hortelã para decorar

Modo de Preparo

Creme de Tapioca: Deixe a tapioca de molho na água por 1 hora ou até que absorva todo o líquido. Em uma panela, misture a tapioca hidratada, o leite, o leite de coco, e o açúcar e leve ao fogo médio, mexendo sempre, até começar a ferver. Abaixe o fogo e junte a casca de limão. Continue mexendo por mais 3 a 5 minutos até a tapioca ficar macia, mas sem cozinhar demais para não perder a textura. Retire do fogo, tire a casca de limão e espere esfriar por alguns minutos. Distribua o creme de tapioca em taças individuais e reserve.

Coulis de manga: Misture todos os ingredientes no liquidificador até virar um purê. Experimente e, se necessário, acrescente um pouco de açúcar. Distribua o creme em de manga sobre o de tapioca nas taças e leve à geladeira por, no mínimo, 1 hora. Sirva bem gelado.


Hoje, nós do Ameixa, acordamos bem oitentistas! E daí pensamos qual sobremesa de domingo vem a calhar pra esse clima e que seja fácil de executar? Com o ABBA tocando na vitrola veio em mente a gelatina de morango com creme de leite. Gente, quer mais oitentista que isso?

sobremesagelatina

Essa sobremesa reinou absoluta em todas as casas! Típico almoço de domingo, lá estava ela. Batizado? Claro que não podia faltar. Final de semana na casa da madrinha e adivinha o que tinha de sobremesa?

Como somos bonzinhos iremos deixar aqui a receita dessa maravilha. E agora será assim: todo domingo o Ameixa publicará uma sobremesa para coroar o fds ou adoçar a semana que estará iniciando.

Gelatina de Morango com Creme de Leite

Ingredientes

2 pacotinhos de gelatina de morango
1 lata de creme de leite
1 lata de leite condensado

Modo de Fazer

- Prepare a gelatina de acordo com as instruções do pacote;
- Em seguida bata no liquidificador: a gelatina, o creme de leite e o leite condensado por alguns segundos até criar um creme. Depois coloque em taças individuais e leve a geladeira até firmar.
Dica importante: não leve ao congelador pois irá se formar uma água no fundo das taças.

 


tarde-palavra

Oferecer uma pausa para se distanciar da correria da semana e se aproximar dos prazeres que alimentam a alma. Foi a partir desta proposta que a Inventiva – Sorvetes com Imaginação – se uniu à Evas – Experimentações Verdes Afetivas -, para criar o Palavra Paladar, evento que acontece no dia 11 de setembro a partir das 15 horas na sorveteria localizada na regional leste da cidade (Rua Grão Pará, 553).

Em comum, ambas as marcas se utilizam de inspirações poéticas e cotidianas para desenvolver seus produtos, preservando as características artesanais em todas as etapas da produção. A Inventiva Sorvetes elabora os sabores de seus gelatos sempre com a intenção de conduzir o cliente a uma experiência sensorial. Já a Evas tem como premissa o uso das técnicas da jardinagem e do paisagismo acessível, unindo-os ao reaproveitamento de material, à palavra e ao uso de estêncil e ilustrações. Um de seus produtos são os vasos produzidos com latas reaproveitáveis onde são aplicados estêncil e ilustrações que remetem a obras literárias, ícones da música e cenas nacionais.

O evento homenageia a poesia e a literatura, tendo o poeta Manoel de Barros como o representante dessa categoria literária. Assim, os sorvetes foram rebatizados: ao pedir um sorvete de flocos, o cliente vai saborear “o sorvete para comer formiguinhas”, por exemplo. “Todos os detalhes foram pensados para transportar o visitante para um lugar mais acolhedor, longe do estresse que nos cerca as atividades diárias”, afirma Carlos Sia, sócio-fundador da Inventiva.

O ambiente receberá um móbile literário produzido pela designer e parceira Dea Souza. No objeto, fragmentos de frases suspensas do poeta mato-grossense ganham novas composições de acordo com os arranjos de quem com ele interage. Por fim, Evas vai expor e vender seus vasos poéticos, que recebem ilustrações inspiradas nos desenhos produzidos por Manoel. Haverá plantio ao vivo, bem ao estilo do já muito difundido live painting, ou seja, os vasos serão montados no ambiente da sorveteria para que o cliente possa participar do processo e escolher a planta e o desenho que deseja levar para casa.

Sobre a Inventiva Sorvetes com Imaginação

Inaugurada em 2010, no bairro Santa Efigênia, zona leste de Belo Horizonte pelo designer Carlos Sia e Teresa Sia, a Inventiva desenvolve seus produtos de um modo conectado às tendências gastronômicas. Entre os diferenciais dos já reconhecidos sabores desenvolvidos, ressalta-se o uso do creme de leite fresco ao invés da gordura hidrogenada, comumente utilizada na produção de sorvetes.

O espaço não se limita à venda e já produziu outros eventos, sempre em parcerias com marcas ou pessoas ligadas à criatividade, caso do “Living Painting” da fachada da loja criada pelos designers do coletivo Vorko e o “Tarde Efigênia” que articulou sorvete, fotografia e tramas em torno de questões ligadas ao bairro Santa Efigênia a partir do trabalho da designer Dea Souza e da crocheteira Marcela Melo.

A elaboração dos produtos é pensada como uma narrativa, que pode ser articulada por meio dos sabores.  Para o inverno, por exemplo, os sócios focaram no desenvolvimento de sabores que utilizam ingredientes do universo das quitandas mineiras. Assim, sabores como bolo com café e casadinho podem ser apreciados.

Sobre Evas

 

Evas surgiu em 2014 como resultado da união da paisagista Carolina Cabral e da jornalista Valéria Prochnow. No ano seguinte, a artista Angélica Sant’Ana e a psicóloga Izabela Beraldo completaram o coletivo. A proposta de Evas é desenvolver produtos que articulam o micro paisagismo a soluções sustentáveis e criativas. Para tanto, todos os objetos são produzidos artesanalmente, sempre com o uso de pinturas, desenhos e da palavra.

A marca desenvolve linhas personalizadas para batizados, casamentos, aniversários e outros eventos comemorativos. Além da produção dos produtos, o coletivo se encarrega da produção dos textos, feitos a partir da história dos personagens que darão e receberão os presentes.

 

 

Serviço:

Tarde Palavra Paladar

Data: 11 de setembro

Período: das 15h às 20h

Endereço: Rua Grão Pará, 553 – Santa Efigênia