Jazzinho #4 - Túlio Mourão + Renato Saldanha © Flávio Charchar

Entre os dias 08 e 15 de outubro, o Savassi Festival – maior evento de jazz do Brasil – promove oito shows de música instrumental criados especialmente para os pequenos, na Praça Floriano Peixoto e no CCBB-BH. 

Ao longo do evento, poderão ser conferidos shows com orquestras (como os espetáculos “Pixinguinha para Crianças”, com Orquestra Já te Digo e “Cantigas de Bem Querer”, com Orquestra Ouro Preto) e releituras de consagradas composições da cultura pop (presente nos espetáculos “Clássicos do Cinema”, com Matheus Barbosa; e “Domingo com Pink Floyd e sua Turma”, com Túlio Mourão e Renato Saldanha). O evento ainda reunirá outros músicos renomados, como Toninho Ferragutti, Salomão Soares, Silvia Negrão e  Matheus Barbosa. Pela programação, temos certeza que os shows agradarão os adultos também!

Programação Jazzinho – Jazz para Crianças

Jazz na Rua

8/10/domingo

Palco Instituto Unimed-BH

Praça Floriano Peixoto, Santa Efigênia

16h00 | Clássicos do Cinema Infantil, com Matheus Barbosa

17h30 | Pixinguinha para Crianças, com Orquestra Já te Digo

 

Palco Centro Cultural Banco do Brasil

12 de outubro, quinta-feira

11h00-12h00 | Cantigas do Bem Querer, com Orquestra Ouro Preto

Centro Cultural Banco do Brasil – teatro 1

13 de outubro, sexta-feira

17h00-18h00 | Brincando com as Teclas – Toninho Ferragutti e Salomão Soares

Centro Cultural Banco do Brasil – Pátio Interno

14 de outubro, sábado

17h00-18h00 | Vovô Tom Jobim completa 90 anos!, com Sílvia Negrão
Centro Cultural Banco do Brasil – Pátio Interno

15 de outubro, domingo

17h00-18h00 | Domingo com Pink Floyd e sua turma, com  Túlio Mourão e Renato Saldanha (e percussionista)

Centro Cultural Banco do Brasil – Pátio Interno

 


O primeiro disco escolhido para a coluna Bolachão é ELIZETH CARDOSO, ZIMBO TRIO, JACOB DO BANDOLIM, ÉPOCA DE OURO – AO VIVO NO TEATRO JOÃO CAETANO, um dos principais discos da história da música popular brasileira.

ElizethCardoso-Bolachão-Vinil-ELIZETH CARDOSO-ZIMBO TRIO-JACOB DO BANDOLIM-ÉPOCA DE OURO-AO VIVO NO TEATRO JOÃO CAETANO

ELIZETH CARDOSO, ZIMBO TRIO E JACOB DO BANDOLIM, ÉPOCA DE OURO – AO VIVO NO TEATRO JOÃO CAETANO, foi lançado em 1968 em dois volumes, com 39 faixas, gravado na noite chuvosa de 19 de fevereiro de 1968, no teatro João Caetano no Rio de Janeiro. A produção artística é de Hermínio Bello de Carvalho.

Naquela época, o Museu da Imagem e Som do Rio de Janeiro atravessava uma fase de muita dificuldade financeira. Elizeth uniu-se com o Zimbo Trio, Jacob do Bandolim e sua banda Época de Ouro para fazer um show inesquecível para 1.500 pessoas, com duração de duas horas, em prol do museu. A dificuldade financeira era tamanha que, para viabilizar a gravação do show, o então diretor do museu, Ricardo Cravo Albin, recorreu à Embaixada Americana para conseguir fitas, com conteúdos de gravações de personalidade políticas, para registrar o espetáculo.

O repertório é composto por inúmeros sucessos da Divina Elizeth, instrumentais grandiosos dos acompanhantes, canções de importantes compositores da música brasileira, tais como Noel Rosa, Milton Nascimento, Vinícius de Moraes, Ary Barroso, Tom Jobim, Pixinguinha. A sequência das músicas não é idêntica à apresentada naquele show. Houve pequenas alterações na ordem para trazer certa cronologia às canções. Algumas canções ficaram de fora da versão elepê por terem ultrapassado os previstos 90 minutos para o recital. Foi em 1977 que Hermínio Bello conseguiu editar um terceiro disco com fragmentos inéditos do show.

É um dos álbuns mais relevantes da música brasileira, segundo a opinião de críticos, compositores e cantores. O poder da voz de Elizeth, acompanhada de músicos gigantescos, traz o tempo áureo das canções brasileiras. Foram 80.000 cópias vendidas no Brasil, além de ter sido apontado como o disco mais esperado pelos fãs e pela indústria fonográfica. O sucesso é tamanho que no Japão ele teve uma edição especial e rara, quase integral. Estes LPs estão na lista dos mais raros de se adquirir. Com a chegada do CD, conseguiu-se, então, o registro integral do recital em 2 volumes de 80 minutos cada, incluindo vários intervalos de muitos aplausos e interações com a plateia, o que confere um gosto a mais ao álbum.

ELIZETH CARDOSO

ElizethCardoso-Bolachão-Vinil

Divina, Cantadeira do amor, Faxineira das canções, Meiga, Enluarada são alguns dos tantos apelidos que Elizeth Cardoso recebeu e recebe referendando sua voz, sua carreira e sua versatilidade. Nascida em 16 de julho de 1920, em São Francisco Xavier/RJ, foi descoberta por Jacob do Bandolim. Cantou boleros, chorinhos, samba-canções e sambas em muitas histórias de amor. Com seu antológico disco “Canção Do Amor Demais”, de 1958, só com músicas de Tom Jobim e Vinícius de Moraes, surgiu aquele que é considerado a origem da bossa-nova. A Divina morreu em 7 de maio de 1990 em decorrência de um câncer. Sua discografia é facilmente encontrada em CD, plataformas digitais e lojas de discos de vinil. Atualmente, há inúmeros nomes da música brasileira cantando discos inteiros em homenagem à obra de Elizeth, uma delas é Rosa Passos. Para os jovens da atualidade, Elizeth é mais conhecida pela canção ‘Eu Bem Sim’.

Digipack.indd

Separamos uma playlist com top 10 canções na voz de Elizeth Cardoso. Adicionamos várias fases de sua carreira para quem conhece matar a saudade. Quem não conhece, poderá ouvir e entender a obra e importância desta ilustre cantadeira.

Escute:

ELIZETH CARDOSO, ZIMBO TRIO, JACOB DO BANDOLIM, ÉPOCA DE OURO – AO VIVO NO TEATRO JOÃO CAETANO Vol.1

ELIZETH CARDOSO, ZIMBO TRIO, JACOB DO BANDOLIM, ÉPOCA DE OURO – AO VIVO NO TEATRO JOÃO CAETANO Vol.2


banda_atom_2_credito divulgacao

Neste sábado 30 de setembro, a partir das 21h, no Cine Theatro Brasil Vallourec, a banda ATOM fará show em tributo a banda Pink Floyd.

A proposta da banda para este tributo é construir um show conceitual em torno do álbum The Dark Side of the Moon do Pink Floyd. Este é um dos álbuns de rock de maior reconhecimento mundial, além de ter uma das capas mais marcante da história da música.

Juntos desde 2012, unidos por admirarem a banda britânica Pink Floyd, a banda ATOM conta: “Depois de acompanhar várias bandas tributos de Pink Floyd ficou mais evidente a vontade de proporcionar ao público uma homenagem que fosse mais do que apenas musical e conseguisse também recriar a experiência de se estar em um show do Pink Floyd”.

ATOM apresentará no seu show todo o álbum The Dark Side of the Moon, na sua forma original. Promete, ainda, preencher o repertório com clássicos de toda a carreira do Pink Floyd em novas versões e experiências visuais.

Serviço
Show da Banda ATOM Pink Floyd Tribute – The Dark Side of the Moon Tour BH
Local: Cine Theatro Brasil Vallourec (Avenida Amazonas, 315, Centro – Belo Horizonte – MG)
Datas: 29 e 30 de setembro, às 21 horas
Ingresso: A partir de R$ 40 reais (meia, primeiro lote). Os ingressos podem ser adquiridos na bilheteria do teatro ou pela internet, no site Compre Ingressos.

 


Este fim de semana está cheio de novidades. O Cenário nacional e internacional acordaram inspirados em lançamentos. Veja aqui as nossas dicas.

michael-jackson-scream

SCREAM – MICHAEL JACKSON – O terceiro lançamento póstumo do rei do pop, é uma trilha sonora para o halloween. É uma mistura de músicas não lançadas, clássicos e músicas remasterizadas. Michael sempre mostrou-se amante do tema de terror e medo. As músicas deste tema espalhadas por todas as suas obras formam a compilação SCREAM. Se um dia você quis um álbum para embalar suas festas de dia das bruxas, Scream é a obra de arte perfeita.

ESCUTE: This Hotel Place; Dirty Diana; Blood On Dance Floor X Dangerous

 demi-lovato-lancamento-2017

TELL ME YOU LOVE ME – DEMI LOVATO – Demi mostrou seu potencial vocal no álbum Confident que a rendeu uma indicação ao Grammy. Receita boa deve ser repetida. Demi não poupa vocais grandiosos sem perder as tendências musicais modernas. As letras falam dos vários tipos de amor. Fique ligado às baladas, que devem render boas apresentações. Um super álbum muito bem executado.

ESCUTE: Concrete; Hitchhiker, Sexy Dirty Love, Sorry Not Sorry.

YOUNGER NOW - MILEY CYRUS

YOUNGER NOW – MILEY CYRUSCountry e melódico são os estilos escolhidos por Miley Cyrus para afogar seu passado musical ousado e atrevido. Quando a mídia ou o artista acham que aquela fase do artista extrapolou a moral e os bons costumes, é comum um álbum em seguida mais tranquilo para dar uma ‘limpada’ na imagem. Quase todas as cantoras pop passaram por isto. Não que a calmaria seja a realidade recente do artista, mas fazer um álbum quase se desculpando é uma fórmula que dá certo e rende prêmios. Younger Now é um ótimo álbum com vocais poderosos e essencialmente country. Este estilo tem ficado em alta. Outros artistas como Kylie Minogue, aparentemente, vai pelo mesmo caminho.

ESCUTE: I Would Die For You; Younger Now; Rainbowland; Malibu.

 simples-assim-ivete

SIMPLES ASSIM – IVETE SANGALO – Ivete é Ivete e isto basta. Mesmo assim, faltam novos hits. Simples assim é uma balada forte no nível “se eu não te amasse tanto assim’.

NOW – SHANIA TWAIN – 15 anos depois Shania lança um álbum de inéditas. Dona de um hit country atemporal, ‘Man! I Feel Like A Woman!’, ela volta às suas essências com letras mais sofridas, misturadas com sonoridades atuais e apostando em refrões chicletes. ‘Life’s About To Get Good’ é o carro chefe do disco.

ESCUTE: Life’s About To Get Good; We Got Something They Don’t; Swingin’ With My Eyes Closed; Home Now.

caixinha-de-musica-vanessa-da-mata

CAIXINHA DE MÚSICA (AO VIVO) – VANESSA DA MATA - Para acompanhar o álbum “Segue O Som’, este álbum ao vivo vem para colocar seu novo som, e seus sintetizadores, mais próximos aos seus fãs. Isto misturado aos sons dos seus grandes sucessos.

ESCUTE: Gente Feliz; Boa reza; Te Amo; Caixinha De Música.

 

ESCUTE TAMBÉM: Mi Gente Feat. Beyoncé – J Balvin, Willy William; Beautiful Trauma – Pink; É – Gilberto Gil e Banda Refavela40; Xênia – Xênia França.

 

*A música latina continua em alta! Beyoncé acaba de participar do remix de “Mi Gente“, do colombiano J. Balvin, cantando em espanhol e em inglês. O clipe de Mi Gente traz inúmeros famosos, entre eles os brasileiros Neymar, Anitta e Hugo Gloss.  Os lucros do single serão doados para vítimas dos furacões e terremotos que atingiram Porto Rico, México e ilhas do Caribe. Assista!


 

natiruts-bh

É neste sábado, dia 30 de setembro, no festival Estação Primavera, a partir das 17h, que a banda Natiruts apresentará a turnê do novo álbum de inéditas “Índigo Cristal”. Depois de passar com a atual turnê pela América Latina, a banda escolheu Belo Horizonte para a estreia nacional.

O novo álbum, lançado em 4 de agosto, canta a positividade e a esperança de superar tempos difíceis como os da atualidade. “O que o Natiruts entrega de melhor são músicas que elevam o astral, que mudam a energia, que trazem positividade mental e corporal”, disse Alexandre Carlo, vocalista e compositor. “Índigo Cristal” tem uma sonoridade rica em referências, tais como jazz, black music, músicas jamaicanas e indiana, reggae roots e muito mais.

 

O festival Estação Primavera estreia em Belo Horizonte com muito reggae e rap, e promete agitar a Esplanada do Mineirão. Apresentarão também no festival: Digitaldubs; Rael e Haikaiss.

 

SERVIÇO

 

Estação Primavera apresenta Natiruts – Lançamento do disco “Índigo Cristal”

Quando. 30 de setembro de 2017 (sábado), das 17h às 0h

Onde. Esplanada do Mineirão (Avenida Abrahão Caram,1.001, Pampulha)

Quanto. R$ 140 (inteira) e R$ 70 (meia-entrada); R$ 160 (camarote open bar). Ingressos antecipados pelo Sympla

Mais. www.facebook.com/events/411144192613778