12321701_1032356106845011_4828046320574091469_n

As tranças afro vão muito além da moda e estética, ao longo da história elas representam a resistência negra no mundo inteiro. Entre os vários estilos de tranças afro, nos últimos tempos, as coloridas – com a adesão de celebridades a esse visual – elas ganharam ainda mais força. Tenho visto muito em BH, e vocês?

Uma representante brasileira das tranças afro coloridas é a Karol Conka, rapper curitibana que fala de festa e diversão sem deixar de lado bandeiras tão importantes como o feminismo e o preconceito.

Além da música Tombei (que adoro!) recomendo a leitura da entrevista da cantor para a Marie Claire, na qual ela fala de música, racismo, atitude… Vale muito a leitura!

 

karol-conka-tranças-afro
tranças-afro-cabelos

Gostou? Bora tombar também com tranças coloridas!

Fotos: Pinterest


No último domingo aconteceu o Grammy Awards 2016 como a gente adora música, ao invés de eleger os melhores looks,  resolvemos destacar cinco momentos da premiação para você curtir em casa. Vem com a gente!

alabama-shakes-grammy-2016

O Alabama Shakes (banda que a gente adora!) levou para casa os prêmios: “Melhor Performance Rock”, “Melhor Canção Rock” (com Don’t  Wanna Fight) e “Melhor Álbum Alternativo”. Além dos três Grammys ganhos, os fãs da banda tem outro motivo para comemorar. O Alabamas Shakes tem shows marcados em SP e Rio no mês que vem. Quem vai? :D

 

ryan-adams-taylor-swift-ameixa

Como já esperado, Taylor Swift também levou três prêmios, incluindo o de “Melhor álbum do ano”, com seu tão elogiado disco 1989. Mas a dica aqui é ouvir a versão para o disco 1989 feita pelo cantor Ryan Adams. Ele regravou o disco inteirinho! Ouça e depois conte pra gente se gostou:

mark-ronson-ameixa

“Uptown Funk” do Mark Ronson (e participação do Bruno Mars) levou os prêmios de melhor gravação do ano, a melhor performance de pop em dupla ou grupo e o melhor remix não-clássico (a versão de Dave Audé). Se você só conhece essa música do Mark Ronson, corra para ouvir o disco inteiro no Spotify! Abaixo uma versão para o clipe de Uptown Funk com 100 cenas de filmes. Vale o clique!

 

amy-and-what-happened-miss-simone-grammy

Na categoria “Melhor Filme Musical” o Grammy foi para o documentário Amy. O documentário é lindo e triste, assim como seu concorrente What Happened, Miss Simone? sobre a diva Nina Simone. Os dois documentários estão no Netflix e fica a dica para você assistir no final de semana!

 

 

bowie-glam-rock-6

A homenagem da Lady Gaga para David Bowie não agradou o filho do astro, mas agradou muita gente. Eu gostei, embora não tenho achado incríiiivel. Assista aí para poder dar sua opinião! 

kendrick-lamar-grammy-2016-ameixa

Maior vencedor do Grammy (levando 5 prêmios de 11 indicações), Kendrick Lammar fez uma apresentação engajada exaltando as raízes afro dos EUA e expondo os problemas que a população negra sofre no País. Assista!

Kendrick Lamar’s performance blew the audience away at the #Grammys.

Publicado por Mashable – Entertainment em Segunda, 15 de fevereiro de 2016

 

amy-and-what-happened-miss-simone-grammy